Terça-feira, 8 de Maio de 2007

esquema da comunicação

Em comentário ao esquema de comunicação de Shannon and Weaver, gostaríamos de destacar o seguinte, todo o processo que implica comunicação, implica um emissor, receptor, canal, código. E remetendo para o contexto da sala de aula, podemos dizer que muitas das vezes, este esquema de comunicação não se ajusta à situação. O emissor, neste caso , o professor passa a mensagem, que todavia não chega ao  receptor, o aluno.

Contudo, estas barreiras de comunicação levar-nos-ia a muitos caminhos, que tem que ver com o sistema de ensino em geral e não com o esquema de comunicação.

A questão que gostaríamos de colocar é a seguinte: o esquema de comunicação adapta-se ao uso de novas tecnologias dentro da sala de aula?

Na nossa opinião sim, qualquer informação por mais insignificante que seja implica todos os intervenientes do esquema da comunicação.

Simplesmente, as novas formas de comunicação que vão surgindo centram-se no acto de comunicar ,em que a barreira distância deixa de ser um obstáculo.

 

 

publicado por linguaseciencias às 17:36

link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De Clara Coutinho a 31 de Maio de 2007 às 12:52
Se é verdade o que comentam, considero que deixa por dizer muita coisa importante e que tem a ver com o esquema de comunicação de Shannon e Weaver. Penso que o esquema continua actual não apenas por "catalogar" os intervenientes num processo de comunicação (E, R, mensagem, etc), mas porque em muitos casos, mesmo usando as TIC se continua a comnunicar "pedagógicamente" da mesma forma: o professor é o detentor do conhecimento que deve ser transmitido para o aluno cujo papel é apenas o de receptor da mensagem. Muitas vezes o professor nem se preocupa por saber se a mensagem está a "passar". Quando vai verificar apercebe-se que quase tudo quanto "informou" ficou por reter.
Não será ainda assim em muitas das nossas escolas?
De Erick Camilo a 2 de Junho de 2009 às 18:44
O que dificulta o processo ensino-aprendizagem é justamente o pensamento em que o aluno é um "banco", o professor detém o conhecimento e apenas "deposito-o", deve-se trabalhar no sentido de uma construção mútua dos conceitos, ninguém chega a escola vazio, desprovido de qualquer conhecimento, sem uma visão de mundo. É da natureza humana o ato de aprender, assim, estaremos até nossos últimos instantes descobrindo algo novo. Nunca seremos detentores do conhecimento, no máximo, poderemos compartilhar o que já alcançamos, sempre acrescendo uma nova informação através dessa relação professor-aluno, de maneira que seja uma via de mão dupla.

Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Maio 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.posts recentes

. web 2.0

. esquema da comunicação

. Esquema da comunicação

. A escola virtual

. Os recursos educativos na...

. Professor vs Computador

. A escola ideal

. O uso das novas tecnologi...

. A utilização Educativa da...

. Comunicação e Educação

.arquivos

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

.links

.Música

blogs SAPO

.subscrever feeds